quarta-feira, 22 de junho de 2016

quarta-feira, 9 de março de 2016

NANÁ VASCONCELOS

Os gênios se vão como todos os meros mortais, mas sua obra fica. Naná Vasconelos partiu hoje aos 71 anos, mas o som do seu batuque e do seu berimbau ecoam por todo planeta.

Me lembro a primeira vez que vi e ouvi Naná Vasconcelos, ele faria uma parceria com o Uakti e fui fotografar um ensaio deles para um jornal que eu trabalhava. Ouvir aquele som ali petinho numa salinha pequena foi mágico. Esses retratos, ainda em negativo ficaram pelo caminho. Mas tive a alegria de fotografá-lo no palco e cá estão algumas fotos, não para não deixar esquecer, só uma homenagem, porque a música é que nos fará lembrá-lo enquanto estivermos aqui e o manterá vivo para sempre!

Mais fotos na minha página do flickr, é só clicar AQUI.


NANÁ VASCONCELOS NANÁ VASCONCELOS NANÁ VASCONCELOS NANÁ VASCONCELOS NANÁ VASCONCELOS

quarta-feira, 2 de março de 2016

terça-feira, 1 de março de 2016

CARNAVAL 2016 - CORTE DEVASSA

Com texto de Liliane Pelegrini

O bloco Corte Devassa nasceu do teatro, nas salas do Cefar, e mantém na rua a irreverência performática dos palcos, evocando figuras históricas misturadas com referências do nosso para celebrar a liberdade de corpo e alma, a diversidade, a alegria e o respeito pelas individualidades. É também, na origem, uma homenagem ao cenógrafo, figurinista e arquiteto Raul Belém, que foi um verdadeiro mestre para diversas gerações do teatro em Belo Horizonte. Ele é citado em um dos versosmais poderosos do hino do bloco (quem conhece vai concordar!) e foi ele quem produziu o primeiro estandarte da Corte. Em 2016, como já é tradição, a Corte Devassa saiu na segunda-feira de carnaval, da melhor Sapucaí de todas: a nossa (chora, Rio), aquela ali entre os viadutos da Floresta e Santa Tereza.

Mais fotos no flickr da Bendita Conteúdo e Imagem, é só clicar AQUI.

CORTE DEVASSA CORTE DEVASSA CORTE DEVASSA CORTE DEVASSA CORTE DEVASSA CORTE DEVASSA

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

CARNAVAL 2016 - TICO TICO SERRA COPO

Com texto de Liliane Pelegrini

Um dos blocos que, em 2009, inauguraram o carnaval de rua – e de luta – que vemos hoje maior do que nunca em Belo Horizonte, o Tico Tico Serra Copo abraçou uma missão muito bonita e fundamental de levar a festa e também as atenções para cantos e questões da cidade que passam despercebidos a muitos belo-horizontinos. Costumamos dizer aqui que o Tico Tico ajuda apresentar esta Bellot para os belo-horizontinos. E neste ano não foi diferente. Desta vez, o Tico Tico nos conduziu pelas ruas do bairro Ribeiro de Abreu e pelas margens do córrego do Onça. Um lugar lindo, aprazível, perfeito pra qualquer cidadão curtir um dia de sol com a família e os amigos, mas que não dá por enquanto por causa da poluição da água. Então, neste carnaval, pra chamar atenção pra essa necessidade urgente pra cidade, o bloco juntou forças com o movimento Deixem o Onça Beber Água Limpa (www.facebook.com/COMUPRA), que há 10 anos, pelo menos, trabalha pela recuperação das águas do Onça. Uma jornada linda, espontânea e colorida que tivemos a alegria de partilhar, mais uma vez, como admiradores dessa galera que somos.

Mais fotos no flickr da Bendita Conteúdo e Imagem, é só clicar AQUI.

TICO TICO SERRA COPO TICO TICO SERRA COPO TICO TICO SERRA COPO TICO TICO SERRA COPO TICO TICO SERRA COPO TICO TICO SERRA COPO

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

CARNAVAL 2016 - PENA DE PAVÃO DE KRISHNA

Com texto de Liliane Pelegrini

Fé e atitude cultural em tons de azul. O bloco Pena de Pavão de Krishna se destaca como um dos principais momentos do carnaval de rua e de luta de Belo Horizonte, tendo como característica levar ritmo, cor, beleza e comunhão a cantos diversos da capital, descentralizando a festa. Em 2016, o PPK saiu do bairro Jardim Pirineus, no extremo da região leste da cidade, com direção ao bairro Castanheiras, na vizinha Sabará.

Mais fotos no flickr da Bendita Conteúdo e Imagem, é só clicar AQUI.

PENA DE PAVÃO DE KRISHNA> PENA DE PAVÃO DE KRISHNA PENA DE PAVÃO DE KRISHNA7 PENA DE PAVÃO DE KRISHNA PENA DE PAVÃO DE KRISHNA PENA DE PAVÃO DE KRISHNA

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

CARNAVAL 2016 - AFOXÉ BANDARERÊ

Com texto de Liliane Pelegrini

O bloco Afoxé Bandarerê nasceu em Belo Horizonte com a missão de reverenciar as tradições e cultura da comunidade afro, levando a alegria dos terreiros para as ruas. Ao exaltar ritmos, rituais e cores das religiões de matriz africana, o bloco busca a divulgação e a valorização da cultura negra, assim como colaborar para a quebra de preconceitos de credo, cor e cultura. Neste ano, o bloco se concentrou na Praça do México, no bairro Concórdia.

Mais fotos lá no flickr da Bendita Conteúdo e Imagem, clica AQUI.

BANDARERÊ BANDARERÊ BANDARERÊ BANDARERÊ BANDARERÊ BANDARERÊ